sexta-feira, 29 de junho de 2012

Carta aberta aos senhores da CP


Caros senhores,
Eu compreendo que queiram melhores condições de trabalho. Entendo que fazer greve seja uma forma de lutarem pelos vosso direitos. Entendo tudo que eu nem sou pessoa de compreendura lenta. Agora, o que eu não entendo, é porque é que não fazem como todos os outros serviços e avisam os vossos clientes/passageiros que estão em greve. Só peço que ponham no vosso site que vão fazer greve no dia tal. Porque vejamos, meter um aviso a dizer que vão haver perturbações na circulação do dia x ao dia y é a mesma coisa que não meter nada.

Mais, se formos a contar os dias que fazem greve durante um ano, reparamos que são mais que muitos. Ora então, estamos em crise e o dinheiro não chega e dão-se ao luxo de fazer tanta greve? Ou o vosso patrão é assim tão bom que não vos desconta o dia? Bem, se o patrão fosse bom não faziam greve não é? Mas isso não interessa nada, vocês tem é que lutar pelos vossos direitos.

Se forem ao hospital com uma dor numa unha e os médicos estiverem em greve é o fim do mundo porque não pode ser, e que vão morrer porque o médico está em greve e-tudo-e-tudo. Mas esquecem-se que diariamente há carradas e carradas de pessoas que dependem dos vossos serviços para irem ganhar o pão que comem. Pessoas que precisam que vocês trabalhem para que possam trabalhar também. Mas isso não interessa nada porque vocês tem que lutar pelos vossos direitos.

Eu não morri por ter ficado na estação a secar à espera de um comboio para vir para casa nem por ter de ficar a ouvir mil vezes uma senhora a dizer: “Caros passageiros, lamentamos informar que o comboio urbano Coimbra – Figueira da Foz, com partida às 13h03m foi suprimido. Pedimos desculpa pelo incomodo causado”. Não, não morri. Porque para mim, tanto fazia vir as 13h como às 20h e nem tinha o bilhete comprado. Em último caso, alguém me ia buscar. Mas há pessoas que não tem essa facilidade. Pessoas que no inicio de cada mês compram o passe, dando assim dinheiro para que vocês possam receber o vosso salário no fim do mês. Pessoas essas que depois tem de pagar autocarros ou táxis, gastando o dobro do dinheiro, porque vocês não tem o minimo respeito por elas. Mas isso não interessa nada, vocês tm é que lutar pelos vossos direitos.

A vossa sorte, é que há e continuará a haver pessoas que dependem dos comboios, que não tem outro meio de transporte. Porque o que vocês mereciam era que toda a gente deixasse de andar de comboio, que ninguém comprasse passe, e que no final do mês nao houvesse dinheiro para vos pagar. Aí se calhar já começavam a perceber que olhar só para o vosso umbigo não vos leva a lado nenhum.

Façam greve sim, mas façam as coisas com cabeça.

2 comentários:

  1. É um exagero, greves atrás de greves... e o povo é que paga.

    ResponderExcluir
  2. As greves da CP é o exageros dos exageros...

    ResponderExcluir